domingo, 21 janeiro, 2018.

Arquivos diários: 23 de dezembro de 2017

237 mortes violentas em Mossoró Cidade Abandonada

Criminosos invadem casa na Avenida Cunha da Mota no Alto da Conceição e matam adolescente a tiros dentro de casa. Segundo informações o adolescente reagiu e um dos criminosos foi baleado.
A Policia Militar que atendeu a ocorrência por volta de 02h20min da madrugada de hoje, 23 de dezembro, encontrou Carlos Germano, já sem vida na sala da casa e ao lado corpo foi encontrado uma espingarda calibre 12 de fabricação artesanal, com um cartucho deflagrado.
Fora dos muros da casa a policia seguiu um rastro de sangue que pode ter sido de um dos criminosos atingido com o disparo efetuado pela vitima. Populares que moram próximo ao local do crime, acordaram pelo barulho dos disparos. Eles relataram que ouviram uma pessoa gritando para o comparsa; “corre que ele me baleou”. Corre eu fui baleado.
A policia ainda não sabe a quem atribuir a autoria do crime e nem a motivação. Populares informaram que o adolescente tinha envolvimento com ilícitos, mas não existe registro de passagem dele pelo sistema prisional. Carlos Germano completaria 18 anos no próximo dia 10 de janeiro.
Texto e foto: blog Passando na Hora
aa

236 mortes violentas em Mossoró Cidade Abandonada

O Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM), registrou a morte violenta de número 236 no início da madrugada deste sábado 23 de dezembro de 2017 em Mossoró no Rio Grande do Norte.
A ação criminosa ocorreu na rua Zeca Cirilino no bairro Barrocas.
De acordo com as primeiras informações a vítima identificada como Rodofo Renarlly Afonso de Souza 27 dormia no quarto da casa com a mulher e um filho de aproximadamente 02 anos de idade, quando os Criminosos, armados de pistolas ponto 40, 380 e escopeta 12 chegaram e invadiram a residência.
Seu filho foi baleado e socorrido pela Polícia Militar para o Hospital Tarcísio Maia,sua mulher nada sofreu.
A equipe da Polícia Civil, sob o comando do Dr. Roberto Moura, recebeu informações de que Rodolfo era um dos suspeitos de matarem Benderson Johnny de Oliveira, morto enquanto trabalhava como pintor em uma casa na Rua Zeca Cirilino, no Bairro barrocas na última quarta feira (20). Benderson foi atingido com 06 disparos de arma de fogo e 11 cutiladas de faca peixeira,tendo morte no local.
A Polícia Militar isolou o local de crime até a chegada da equipe do Instituto Técnico-Científico de Perícia ITEP,que removeu o corpo para a sede do órgão.
Texto e foto: blog Passando na Hora
a2

Veja também