Vitória de Izabel foi recado para Sandra Rosado

 

A vereadora Sandra Rosado (PSB) ainda não se conformou com a decisão de Carlos Augusto Rosado, marido da prefeita eleita Rosalba Ciarlini (PP), de indicar Izabel Montenegro (PMDB) para a presidência da Câmara. Teoricamente, ela foi escolhida numa eleição, mas a ex-deputada sabe que não foi assim. Sandra poderia ser a presidente hoje com muito mais representação e força no Legislativo do que a colega.

Mas Sandra também sabe que Carlos Augusto não dá ponto sem nó. Ela, por sua postura e liderança, não aceitaria baixar a cabeça para tudo e poderia, ainda que a conta-gotas, tornar o Legislativo independente. Por outro lado, Carlos entende que como Sandra derrubou Cláudia Regina e prejudicou a carreira de Rosalba, poderia tramar para derrubar a prefeita e assumir o Palácio da Resistência.

Não interessa ao rosalbismo uma Câmara com qualquer sintoma de independência. Ao contrário de Francisco José Júnior (PSD), Carlos Augusto não negocia, ele impõe. Francisco não teve dificuldade com o Legislativo porque sempre dialogou e recuou quando preciso, o marido de Rosalba também não terá dificuldade, mas a receita será a perseguição.

Deixe uma resposta