sexta-feira, 24 novembro, 2017.
Sem categoria

Sem categoria

Sal do RN é destaque no Globo Repórter

Mocinho ou vilão? O corpo humano não funciona sem sal: o sódio dá sede, faz com que as pessoas bebam água e, consequentemente, eliminem toxinas pela urina. Por outro lado, o excesso do tempero provoca problemas. A pressão alta é um deles: um em cada três brasileiros com mais de 18 anos sofre de hipertensão, doença que pode levar a infarto, derrame cerebral ou AVC. Os efeitos e benefícios do sal são o tema do Globo Repórter desta sexta-feira, dia 10.

A equipe viaja do Rio Grande do Norte, o maior produtor de sal do Brasil, até o Salar de Uyuni, na Bolívia, o maior deserto de sal do planeta. No caminho, muitas histórias e curiosidades sobre o mineral. Uma ilha de sal mostra como é dura a vida dos brasileiros que trabalham nas salinas. Um hotel feito de sal revela as belezas do altiplano boliviano, cheio de lhamas e flamingos. O programa ainda explica porque o sal é usado em cerimônias de purificação de diversas religiões.

Filha de Henrique Alves diz que pai está ‘gordinho’, mas bem tratado e só reclama do banho gelado

Em conversa gravada, com autorização judicial, entre Andressa, filha de Henrique Eduardo Alves, e uma mulher não identificada, ela afirma que o pai está “gordinho”, mas está sendo cuidado por uma mulher que pinta seu cabelo e não deixa a barba crescer.

Andressa também conta que um juiz deixou o pai, preso desde junho, ter uma televisão e que consegue vê-lo sábado e domingo, das 13h às 17h.

Matheus Leitão, no G1, transcreveu trechos do diálogo (MNI é ‘mulher não identificada’):

MNI: E o resto, tá tudo bem?

ANDRESSA: Tá.. tá tudo caminhando, graças a Deus… falta paciência, né

MNI: É… haja paciência

ANDRESSA: Agora os HC’s já chegaram no STJ… só pautar agora o que faltar

MNI: Entendi

ANDRESSA: E agora uma notícia boa também… porque o motivo da prisão aqui do Babau… era que meu pai tinha influência no partido… só que dia 20 agora ele vai sair do PMDB, ele não vai ser mais nada, cargo nada, nada que (inaudível), entendeu?

MNI: Entendi

ANDRESSA: E aí… não vai ter o motivo da prisão, porque a prisão… era que ele influenciava, tinha influência, que ele num sei o quê

MNI: Que pode continuar influenciando, né… que eles adoram falar isso

ANDRESSA: Pois é… mas ele saindo, não sendo mais do PMDB, não sendo mais nada… não tem motivo para a prisão daqui, entendeu?

MNI: Total

ANDRESSA: Aí…

MNI: Que bom, hein

ANDRESSA: É… e a convenção é dia 20… e a convenção é dia 20 agora, que é a convenção do PMDB… aí no caso vai tirar o nome dele de tudo, entendeu?

MNI: Entendi

ANDRESSA: Aí tirando… manda soltar para o advogado, faz menção na defesa… aí o julgamento no STJ deve ser lá pelo dia 31

MNI: Ai, que beleza

ANDRESSA: Aí vai pedir prisão domiciliar… Não importa

MNI: Ah, claro que não importa

ANDRESSA: Porque o motivo dele estar preso é a conta, que não é dele, que ele nunca recebeu nada… nem tem como receber… porque não foi ele… porque ele nunca mexeu… nunca movimentou… não tem cartão de (inaudível)… não tem nada… e a influência que ele exerce, não tem mais influência… saindo do partido, saindo de tudo… pronto, acabou

MNI: Entendi

ANDRESSA: O motivo de manter preso, entendeu?! Aí…

MNI: ah… tomara que dê certo

ANDRESSA: É… aí é dia 31… tomara mesmo… vamos ver

MNI: Rezo sempre

ANDRESSA: É… mas ele tá bem… assim… tá gordinho, a Rita tá cuidando dele… Pinta o cabelo, corta… não deixa a barba crescer… a única coisa que ele reclama é do banho gelado… não tem jeito

MNI: Banho gelado… ainda bem que ele não mora em Curitiba

ANDRESSA: O banho é gelado… coitado do Eduardo

MNI: Banho gelado… não tem jeito de esquentar um pouquinho… com aquele…

ANDRESSA: Não… não tem… não tem, mas assim… tem televisão… o juiz deixou ver televisão… eu vejo ele (inaudível)

MNI: Pelo menos ele fica a par das coisas, né?!

ANDRESSA: Não… o advogado vai lá todo dia, entendeu?

MNI: Sei

ANDRESSA: E eu vejo ele no final de semana… sábado e domingo de uma às cinco… Laurita veio na quarta-feira o dia inteiro… então… assim… comparado com os outros, entendeu? Tá até bom…

MNI: Ah… isso é verdade

Rio GREVE do Norte: policiais anunciam que greve está mantida

Mesmo após o anúncio de regularização do pagamento dos policiais, feito pelo Governo do Estado do RN, a Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares divulgou nota mantendo a paralisação da categoria até que o pagamento seja regularizado e contemple os policiais da reserva e pensionistas.

A Associação repudiou o que classificou como “tentativa de politizar o movimento” por parte da Secretária de Segurança, Sheila Freitas.

A tensão entre o governo do Estado e os policiais foi acirrado pelas postagens em redes sociais do governador Robinson Faria em tom de ameaça à categoria.

Leia a nota na íntegra:

A Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN repudia a tentativa de politizar o movimento, feita pela secretária de Segurança, Sheila Freitas, em coletiva de imprensa realizada na tarde desta terça-feira (7). A mobilização será mantida enquanto o pagamento não for normalizado, e que a regularização também contemple os policiais da reserva e pensionistas.

A ASSPMBMRN reforça que os policias e bombeiros são homens de bem, guerreiros, mas necessitam do mínimo de condições estruturais e financeiras para exercer a profissão que escolheram. Por isso, a suspensão das atividades continua marcada para esta segunda-feira (13) e será interrompida apenas no momento em que os salários da ativa, reserva e pensionista forem colocados em dia.

Servidores da UERN tem benefícios suspensos apesar de desconto em folha

Alô Ministério Público…

Benefícios como o plano de saúde dos servidores da UERN estão suspensos. Motivo? Falta de pagamento por parte do Governo Robinson Faria.

O problema já seria grande o bastante e estaria gerando transtornos para os servidores se não fosse um problema mais grave: os valores estão sendo descontados rigorosamente dos salários dos servidores.

É que os servidores, incluindo os aposentados, são responsáveis por parte dos valores referentes aos contratos, além do valor integral dos dependentes, valores que são descontados dos salários sem que tenham acesso devido ao serviço.

A operadora de plano de saúde cobra atraso referente aos meses de agosto, setembro e outubro, além dos juros referentes a mais de um ano de mensalidades pagas em atraso.

Os servidores também reclamam de cobranças referentes a empréstimos consignados que também são descontados dos salários e não estão sendo pagos.

Delator de Henrique deverá cumprir somente 1/5 da pena e em regime aberto

Segundo matéria publicada no Blog do BG, pelo acordo que o MPF propôs, o delator da Operação Manus, Fred Queiroz, será condenado, no máximo, a 10 anos de prisão, mas a execução da pena será de dois anos, em regime aberto, com a prestação de serviços comunitários.

Ele ainda fica obrigado a pagar multa no valor de R$ 270 mil, em prestações de R$ 3 mil.

A esposa de Fred, Érika Nesi, e o filho, Mateus Nesi, não deverão enfrentar condenações, mas terão que pagar multa de R$ 293 mil.

O Ministério Público do Rio Grande do Norte, parte do acordo, se comprometeu a não pedir nenhuma medida cautela contra os três.

Os quatro anexos da delação de Fred Queiroz que já foram noticiados pela imprensa não são os únicos de sua colaboração.

Advogados confirmaram ao blog que há outros termos em sigilo. O blog apurou que, no total, a contribuição de Fred se espalha em 16 anexos.

::: VEJA AQUI O TERMO DO ACORDO E A ÍNTEGRA DOS ANEXOS DA DELAÇÃO QUE ESTÃO NOS AUTOS DA OPERAÇÃO MANUS:

Veja também