sexta-feira, 25 Maio, 2018.

Arquivos diários: 7 de Fevereiro de 2018

Prefeitura esconde notícias de grande relevância

Informações importantes como exoneração de secretário e nomeação de secretário viraram “atos quase secretos” na gestão Rosalba Ciarlini (PP).

Não são divulgados sequer no portal da Prefeitura Municipal de Mossoró.

Se ninguém ler os registros legais dos atos administrativos no Jornal Oficial do Município (JOM), tudo passa despercebido.

Imagine questões relativas a aditivos de contratos, licitações, decisões sobre vantagens funcionais, dispensa de licitações etc.

Isso é incrível!

Vá entender!

Do blog do Carlos Santos

4109

Bandidos assaltam escritório do Tiro de Guerra em Mossoró

Dois elementos em uma moto, chegaram na manhã desta quarta feira 07 fevereiro 2018, em um Escritório do Tiro de Guerra 07010 Mossoró, localizado na Avenida Rio Branco, ao lado da Praça da Convivência, no Centro de Mossoró, e anunciaram um assalto com arma em punho. Equipes da Polícia e do GATE da Guarda Municipal foram acionados. Não foi divulgado oficialmente o que teria sido levado.

Texto e foto: blog Passando na Hora

27783425_1442151622561808_1588603800_n

Brasil confirma 353 casos e 98 mortes por febre amarela desde julho de 2017

Balanço do Ministério da Saúde divulgado hoje (7) atualiza em 353 o número de casos confirmados de febre amarela e em 98 os óbitos provocados pela doença entre 1º de julho de 2017 e 6 de fevereiro deste ano. No mesmo período do ano passado, foram confirmados 509 casos e 159 óbitos.

De acordo com o boletim, foram notificados em todo o país 1.286 casos suspeitos de febre amarela, sendo que 510 foram descartados e 423 permanecem em investigação.

“Os informes de febre amarela seguem, desde o ano passado, a sazonalidade da doença, que acontece, em sua maioria, no verão. Dessa forma, o período para a análise considera de 1º de julho a 30 de junho de cada ano”, informou a pasta.

Transmissão

Por meio de nota, o ministério reforçou que não há registro confirmado de febre amarela urbana no país, mas destacou que o caso da doença identificado em São Bernardo do Campo (SP) está sendo investigado por uma equipe da secretaria Estadual de Saúde.

“Deve ser observado que o paciente mora na região urbana e possivelmente trabalha na área rural. Qualquer afirmação antes da conclusão do trabalho é precipitada. É importante informar que São Bernardo do Campo (SP) é uma das 77 cidades dos três estados do país (São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia) incluídas na campanha de fracionamento da vacina de febre amarela.”

De acordo com o comunicado, a probabilidade da transmissão urbana no Brasil é considerada baixíssima pelos seguintes motivos:

– todas as investigações dos casos conduzidas até o momento indicam exposição a áreas de matas;

– em todos os locais onde ocorreram casos humanos também ocorreram casos em macacos;

– todas as ações de vigilância entomológica, com capturas de vetores urbanos e silvestres, não encontraram presença do vírus em mosquitos do gênero Aedes aegypti;

– Há um programa nacionalmente estabelecido de controle do Aedes em função de outras arboviroses (dengue, zika, chikungunya), que consegue manter níveis de infestação abaixo daquilo que os estudos consideram necessário para sustentar uma transmissão urbana de febre amarela.

“Além disso, há boas coberturas vacinais nas áreas de recomendação de vacina e uma vigilância muito sensível para detectar precocemente a circulação do vírus em novas áreas para adotar a vacinação oportunamente”, informou a pasta.

febre-amarela

Homem que espancou ex-noiva na frente de filha de 4 anos é preso em Natal

O homem que, nesta semana, apareceu em um vídeo espancando a ex-noiva no meio da rua foi preso nesta terça-feira (6). O crime aconteceu em plena luz do dia no bairro Nazaré, Zona Oeste de Natal, no dia 25 de janeiro. Ele foi flagrado por câmeras de vigilância e a filmagem passou a circular nas redes sociais nos últimos dias. Uma das filhas da vítima, que tem quatro anos de idade, presenciou tudo.

De acordo com a Polícia Civil, José Augusto Ferreira foi preso sob mandado de prisão preventiva. O motivo que levou ao pedido de prisão não foi apenas a agressão do dia 25 passado. De acordo com a promotora e coordenadora do Núcleo de Apoio à Mulher Vítima de Violência, Érica Canuto, o suspeito seguia ameaçando a ex-companheira. Ele teria dito que iria comprar uma arma para matá-la.

Após o crime, a mulher ficou com marcas da agressão no rosto e nas costas. Ela passou cerca de dez dias trancada em casa, com medo do agressor. Nesta segunda-feira (5), foi levada pelas autoridades a uma casa abrigo, com suas filhas de 4 e 8 anos.

A criança que presenciou a agressão está tendo pesadelos com a cena, segundo a mãe.

“Eu quero que alguma coisa seja feita, porque assim não dá. Tenho duas filhas para criar, já pus um fim. Ele tem que entender isso”, diz a vítima, que preferiu não se identificar, sobre o agressor. Segundo a polícia, José Augusto foi detido quando chegava em casa e não resistiu à prisão.

Por G1 RN – Foto: Reprodução

agressao2 agressor

Políticos tradicionais costuram acordo sem comunicar ao cidadão

As tradicionais famílias políticas do Rio Grande do Norte começam a costurar seus acordos visando aumentar o número de cadeiras públicas. Até agora, o que tem faltado é ajustar os seus interesses com os do cidadãos. Fizemos um rápido raio-x de como está se desenhando a conjuntura política neste momento.
Os Rosados de Mossoró, que já possuem uma prefeita (Rosalba), uma deputada estadual (Larissa) e um deputado federal (Betinho), querem passar a ter um vice-governador, outro deputado estadual (Kadu Ciarlini) e mais um federal (Sandra), somando 6 mandatos.
 
Os Alves, que já possuem um senador (Garibaldi Alves), um deputado federal (Walter Alves), um deputado estadual(Zé Dias), o prefeito da capital (Carlos Eduardo Alves) e um vereador da capital (Felipe Alves), querem continuar com o senador, ter um segundo deputado federal (Felipe ou Henrique), eleger um segundo deputado estadual (Andreia Alves) e fazer o governador do Estado (Carlos Eduardo Alves).
 
Os Maias, que já possuem um senador (José Agripino) e dois deputados federais (Felipe e Zenaide), querem migrar uma deputada federal para o Senado (Zenaide) e eleger o irmão dela (João Maia) em seu lugar, e aumentar para quatro mandatos.
 
Os Faria, que já possuem o Governador (Robinson), um deputado federal (Fábio), querem reeleger o governador, eleger uma deputada estadual (Juliane) e manter o federal.
 
Vai caber ao cidadão decidir se quer continuar com a mesmice ou partir para algo novo. Façam suas apostas.
1-226-750x502

Veja também

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com