Mãe precisa atravessar rio todos os dias para levar filho à escola em Mossoró

No bairro Ilha de Santa Luzia, a realidade é dura para quem aguarda a tão sonhada obra da ponte da Rua Benício Filho, que liga ao bairro Alto de São Manoel. Para uma mãe, o caminho até a escola do filho é por dentro d”água.

A falta da ponte obriga Jarlene Sodré e o filho a enfrentarem todos os dias a correnteza do Rio Mossoró com água pela coxa. Para não molhar a farda da criança, ela carrega o filho nos braços durante a travessia.

“Muito perigoso, em tempo de levar uma queda. A correnteza ainda é um pouco grande e a dificuldade é imensa. Estou tentado atravessar porque é mais perto da escola dele”, relata Jarlene em um vídeo publicado em sua página no Facebook.

Jarlene faz um desabafo e duras críticas aos gastos com as festas de junho, no caso o Mossoró Cidade Junina. “Triste realidade de quase todos os moradores da Benicio Filho que são obrigados a atravessar o rio todos os dias. Prefeita Rosalba Ciarlini, cadê a senhora que não conclui logo essa ponte para facilitar a nossa vida? No lugar de gastar milhões com essas festas na Estação das Artes vá arrumar a sua cidade”, reclamou.

Do blog do Ismael Sousa

Deixe uma resposta