Prefeito Carlos Eduardo confirma renúncia e pré-candidatura ao Governo do RN

O prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) anunciou na manhã desta sexta, 6, a renúncia do cargo de chefe do executivo de Natal. O pronunciamento também serviu para confirmar a pré-candidatura ao governo do Rio Grande do Norte.

O anúncio foi feito em coletiva de imprensa realizada no Parque da Cidade, na zona Sul de Natal. Com a saída de Carlos Eduardo da prefeitura, o vice-prefeito Álvaro Dias (MDB) assume o cargo.

“Não pretendia ser candidato, mas aonde vou recebo convocação dos natalenses para ser candidato a governador”, declarou.

Em 2016, Carlos Eduardo foi eleito à prefeitura com 63,42% dos votos válidos. Ele assumiu com a promessa que não renunciaria ao cargo para disputa do Governo do Estado.

A renúncia acontece no dia em que o Agora RN publicou, com exclusividade, o conteúdo da delação dos empresários Allan Emmanuel Ferreira da Rocha e Felipe Gonçalves de Castro. A dupla disse ao Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) que o prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) recebeu pelo menos R$ 280 mil em propina às vésperas da eleição de 2016.

No evento em que apresentou a renúncia, Carlos Eduardo Alves negou ter recebido propina. “Com relação ao prefeito não existe nada”, diz.

Ele também afirmou, ainda, que o vice Álvaro Dias vai manter com o atual quadro de secretários. Além disso, apontou que vai apoiar a candidatura de Ciro Gomes para a Presidência da República.

Ainda de acordo com Carlos Eduardo, que é o presidente estadual do PDT, a convenção partidária da legenda deve acontecer entre os dias 4 ou 5 de agosto. Na ocasião, o plano de governo será apresentado.

Após se despedir do executivo, Carlos Eduardo Alves irá na próxima segunda-feira, 9, para São Paulo. Ficará 10 dias na região sudeste.

Por Agora RN – Foto: Tiago Rebolo/Agora Imagens

Deixe uma resposta